segunda-feira, 18 de setembro de 2017

OS LUSÍADAS EM CABO FRIO RJ

POR MARES NUNCA DANTES NAVEGADOS


Adaptação de Os Lusíadas dias 3 e 4 de novembro às 20:00 horas


No espaço Usina 4 à rua Geraldo Abreu, 4 (antiga rua da Usina) essa rua termina quase na rodoviária.



sábado, 16 de setembro de 2017

NÃO TENHO MEDO DA MORTE

Pensando em um poema canção de Gilberto Gil e lembrando-me do meu velho pai, escrevi:

POEMA PROSAICO


Meu pai se foi,
embora tenha adiado esse dia por muito tempo.
Acreditou até que não iria mais.
Certa vez me disse que todos de seu tempo já tinham partido.
“Só eu que não!” Dizia ele com muito orgulho.
Mas como dissera Vieira
não há mais garantia que está perto nossa vez
do que o fato de termos durado muito.

Quando será a minha?
Sim, comigo não será diferente.
Não ficarei para semente.
Só espero que meu trem não demore
e que o maquinista não me esqueça na estação.
Afinal de contas, depois dos setenta
parece-me estar fazendo horas extras
e sempre gostei de ir pra casa cedo.

Se partir sem dor nem conflito
ficarei contente;
já escrevi meus livros,
Já criei meus filhos,
Já plantei muitas árvores,
- várias em quintais alheios -.
Só falta a terra, mãe sempre acolhedora,
 agasalhar-me em seu seio.


Oh, Gaia adorada! Não me deixe virar
uma ruína encarquilhada!
Abraça-me enquanto ainda me sinto homem
e posso possuir-te como se fosse
a última mulher amada.

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

POEMA DE AMOR

Estava organizando alguns livros que estavam  fora de seus lugares, quando de dentro de um deles cai um papel amarelado e meio amassado; li e era um antigo poema meu. Fui no meu último livro de poesia, onde deveriam estar todos meus poemas e este lá não aparecia. Por que seria? Teria eu descartado o coitado por julgá-lo ruim? Será que quando fiz a organização dos poemas este já estaria perdido naquele tempo? Procurei meus dois primeiros livros e lá também o abandonado não aparecia! Mistério! Veja se ele é tão ruim assim que devia ser jogado no lixo. Dê sua opinião nos comentários, se for o caso eu mando para o lixo. Você decide!


NO ENCALÇO DO AMOR

Vejo desfazer-se em pedaços
meu poema de amor.
Caem os versos como pétalas de uma rosa fenecida.
E os traços escassos de meus sonhos lassos
diluem-se todos.

Mas continuo lutando, enfim, sem descansar,
pois sei que entre vitórias e fracassos,
hei de encontrar o sol dos sonhos meus
acampado nas curvas de teus braços.

Sol se pondo na Lagoa de Araruama, foto de Janice Rugani.

quarta-feira, 16 de agosto de 2017

VOCÊ AINDA PODE ASSISTIR A "OS LUSÍADAS" aproveite!


SÁBADO DIA 26, ÀS 19 HORAS, última apresentação, chegue antes para comprar seu ingresso. Quem comprar antes das 18:30 terá desconto especial.

Veja trecho de um ensaio de 2009, disponível no YouTube;
Clique aqui

terça-feira, 8 de agosto de 2017

VENHA RIR E SE EMOCIONAR COM OS LUSÍADAS

QUANDO?  DIA 12 DE AGOSTO; SÁBADO.
ÀS 19:00 chegue meia hora antes para garantir seu ingresso.

POR MARES NUNCA DANTES NAVEGADOS é o título desse monólogo, dirigido por Angelah Dantas.

ONDE? No Espaço Multicultural Gene Insanno, que fica à rua Coronel Doring, 71, Araruama, pertinho da Lagoa. Referência: próximo à Pizzaria Na Lenha e Baterama.

Veja o que disse o cartunista Sendino: "Adorei o espetáculo, a adaptação de Os Lusíadas. Nunca imaginei que Camões ficasse bem em teatro, e ficou. Se isso já foi feito antes, não tenho notícia. Adorei a interpretação de todos os personagens, transmitindo emoção, da velhinha encarquilhada ao Gigante Adamastor. E adorei também as marcações de cena, o apito, as roupas, a representação cenográfica e sobretudo o som, perfeito para cada ocasião. Acho que o mesmo ator, desde que seja bom – como foi –, combina mais com o clima simbólico do espetáculo. Mais atores, na minha opinião, exigiria também uma superprodução, com cenários mais realistas. Do jeito que está, tudo fica 'redondo'."

sábado, 5 de agosto de 2017

INGRESSOS PARA OS LUSÍADAS, ADAPTADO PRA TEATRO

POR MARES NUNCA DANTES NAVEGADOS é o título da adaptação que fiz da epopeia Os Lusíadas para teatro. Ainda é possível conseguir ingressos no local da apresentação: rua Coronel Doring, 71 - Araruama, perto da Pizzaria Na Lenha, que fica do lado oposto ao Cinema do Shopping, mais próximo da Lagoa de Araruama do que do Shopping. Venha conhecer!


segunda-feira, 31 de julho de 2017

QUEM VIU EM RIO DAS OSTRAS GOSTOU e você de Araruama?

Então venha ver e comprove se é verdade ou mentira. Venha ver

  POR MARES NUNCA DANTES NAVEGADOS 
no Espaço Multicultural Gene Insanno, que fica à rua Coronel Doring, 71, quase caindo na Lagoa de Araruama. A peça começa às 19:00 horas com tolerância de atraso de apenas 5 minutos. Depois do espetáculo haverá uma palestra com o ator sobre os gêneros literários.